18 de julho de 2018 - 18:24

Cidades

03/07/2018 00:15

Registro de multas tem queda de 44% no primeiro semestre

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) registou uma redução de 44% nas infrações cometidas pelos motoristas da Capital, de janeiro a junho deste ano. Conforme o relatório elaborado pela pasta, nestes primeiros meses de 2018 foram registradas 123.739 transgressões, enquanto no mesmo período de 2017 o número foi de 216.4468 mil transgressões.

De acordo com o secretário de Mobilidade Urbana, Antenor Figueiredo, as campanhas realizadas na gestão humanizada do prefeito Emanuel Pinheiro. “Essa gestão visa sempre educar o trânsito e isso tem surtido efeito, os condutores estão cada dia mais conscientes em relação ao seu comportamento ao volante. Isso evita que sejam penalizados e o principal: evita acidentes”, pontua o secretário.

Entre as multas registradas estão o avanço do sinal vermelho, estacionamentos irregulares, falta do uso de cinto de segurança, uso de celular ao volante, dirigir embriagado ou sem habilitação, entre outras.

Segundo o Diretor de Trânsito, Michell Diniz está previsto no Código de Trânsito Brasileiro (CTB) que, ao constatar que o motorista está infringindo a lei, o agente de trânsito poderá lavrar o auto de infração.  “Está previsto no Código de Trânsito, porém o agente primeiramente faz a abordagem educativa. O condutor é abordado, orientado e advertido, em vez de ser sumariamente autuado, com isso tem diminuído muito as infrações”, afirma Diniz.

A irregularidade mais comum entre os motoristas cuiabanos, segundo o relatório, continua sendo dirigir em alta velocidade pelas vias. Em 2017 foram 84.563 autuações, já em 2018 essas autuações sofreram uma redução para 56.829. Em segundo lugar, avançar no sinal vermelho, com 34.951 autuações em 2017 e 20.552 em 2018.

“Infelizmente ainda é um problema comportamental, apesar das campanhas educativas que temos realizado, o índice de ocorrências ainda é alto. Os condutores precisam respeitar o limite de velocidade das vias. Vamos continuar com nossas campanhas, mas precisamos da colaboração de todos”, conta do secretário Antenor.

Transitar na faixa exclusiva para ônibus teve uma redução 84,6% em 2018, sendo registrados 1.795 casos em 2018, enquanto que em 2017 foram 11.621.

“Vale lembrar que em 2017, essas autuações foram enviadas durante a campanha educativa, eram advertência. A partir de quando iniciamos a fiscalização, houve uma surpreendente diminuição nesses números”, ressalta o diretor de Trânsito.

No ano de 2017, mais de 15 mil notificações foram enviadas a condutores que foram flagrados pelas câmeras de monitoramento. Esses condutores receberam em suas residências o documento que possuía a data, horário e local em que foi cometida a infração, porém sem gerar penalidade.

“Hoje nós temos um direcionamento de uma gestão mais humanizada e inclusiva, mais próxima da população. Nossa prioridade é o contato do usuário com a Semob, com o agente de trânsito. Essa diminuição não quer dizer que o condutor está deixando de cometer erros no trânsito, mas que estão mais conscientes que um trânsito seguro é de responsabilidade de todos", conclui o diretor de Trânsitom Michell Diniz.

Fiscalização Semob

Para contatar a Semob via WhatsApp, adicione o número (65) 99235-6950 aos contatos. Os atendimentos são realizados das 6h à meia-noite.

A Ouvidoria da Semob atende pelos telefones 0800 645 1517 e o 3315-4220 ou pelo email ouvidoria.semob@cuiaba.mt.gov.br. O canal é totalmente gratuito e funciona com atendimentos de 2ª a 6º feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Mas, a fiscalização também é feita pelo número 118, durante a semana e finais de semana.


Copyright 2016 -  Todos os direitos reservados

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo